• Viagem

    Rafting com Alaya – UM DIA INCRÍVEL em Brotas

    Essa semana muitas coisas legais aconteceram na minha vida. Hoje vim contar um pouquinho sobre uma delas. Recebi um convite muito especial da Alaya. A Ayala é uma empresa referência nacional no turismo de aventura, e fui convidada a conhecer a empresa e me aventurar durante um dia com eles.
    O Adventure Day é um conjunto de atividades que eles oferecem e eu vou contar nesse post como foi o início do meu dia (conto sobre o resto do meu dia em outro post)Chegamos em Brotas as 09:30 da manhã pra fazer nosso check in, a empresa é muito bem localizada e conseguimos chegar com  muita facilidade.  Recebemos as primeiras instruções, informações importantes e já nos entregaram colete salva vidas e capacetes. Lá mesmo eles nos dividem em grupos, e falam com qual instrutor você irá fazer o trajeto.
    Na agência eles possuem armários pra deixar mochilas,o objetos e tudo o que você levou com você e não pode molhar. É real, não leve com você nada que possa molhar.Saindo de lá, fomos pra o ônibus da empresa que nos levou até o local de início do Rafting. Chegando lá fizemos um alongamento e mais um treinamento bem rápido, o instrutor nos ensinou sobre os comandos, quando que temos que remar, quando que sentamos no chão no Bote ec, fizemos alguns testes e já demos bastante risadas. Eu como super aventureira, já decidi ir na frente mesmo, sem saber o que esperava por mim.Mas gente, que incrível!! eu sei que eu saí com cara de assustada em todas as fotos, mas o fotógrafo era bem espertinho e ficava sempre esperando nas maiores quedas. É bem legal a sensação de trabalho em equipe que você tem e eu fiquei me achando a super atleta remando igual uma louca.

    O nosso instrutor foi o Gabriel Pessa (campeão mundial de Rafting) e eu preciso exaltar aqui a simpatia dele, a paciência e todo o suporte. Além de controlar nosso bote, ele manteve o clima entre nós bem animado, e foi extremamente simpático.


    A natureza desse lugar é um espetáculo a parte e durante nosso percurso fizemos uma paradinha pra fazer uma flutuação rápida  e aproveitar um pouquinho mais o momento.No meio do percurso (são 4 km de trajeto) nós paramos um pouquinho e fizemos uma tirolesa que sobrevoa a maior queda do Rio. (Se eu pudesse ficava na tirolesa pra sempre). Enquanto eu esperava  o pessoal terminar a tirolesa, demos uma voltinha, encontramos uma cachoeira (pequena) e fui lavar a alma.No Resumo: um passeio fantástico. Eu já esou aqui me organizando pra levar o máximo de pessoas possíveis pra ter essa experiência <3
    E Obrigada Gabriel por garantir nossa segurança em meio a águas tão bavas .
    ps: essa montagem foi um amigo que fez.
    ps2: Tava todo mundo bem, é que por causa do ângulo só apareceu eu e Luiz na foto.
    0